Header Ads

Corrida para pessoas diabéticas





Olá, eu sou a Dani e esse texto fala sobre Corrida para pessoas diabéticas. Antes de começar a lê-lo, siga o blog nas redes sociais: Instagram, Facebook e Twitter. Você também pode entrar nos grupos de Whatsapp ou no grupo do Telegram . Agora, vamos à leitura!

http://cdn2.dicasparaperderpeso.com.br/wp-content/uploads/2013/01/melhores-exercicios-para-diabeticos-620x413.jpg

Essa semana conversei com um amigo que corre e descobriu que a diabetes faz parte da sua vida. Sem saber muito, veio me perguntar se a diabetes é contra-indicação para a continuação dos treinos dele, que acontecem 5 vezes na semana.

A diabetes não é uma contra-indicação nem para a corrida nem para nenhum outro tipo de atividade física. Porém, achar a dosagem certa de insulina e a quantidade certa para alimentação ates e depois dos treinos (e provas) é necessária para não se ter nenhuma intercorrência. É importante evitar a perda de água e eletrólitos durante a atividade física. A desidratação aumenta a fadiga e pode levar a uma redução de até 3% no peso corporal, o que é perigoso em pacientes diabéticos, por provocar uma pseudo-hiperglicemia e aumentar o risco de fenômenos trombóticos e episódios cardíacos.
Após o treino, o consumo de carboidratos é  fundamental, para evitar a hipoglicemia e repor os estoques de glicogênio que foram utilizados durante a atividade. Além desse nutriente, alimentos proteicos são essenciais, uma vez que repõem a massa muscular degradada durante o treino, principalmente se este for uma associação entre exercício aeróbico e de força.

Profissional de Educação Física que sou, não tenho como precisar que tipo de alimentação específica pode ajudar esse ou aquele praticante pois cada um tem as suas características. Procurar um (a) nutricionista é um bom inicio para se tirar as dúvidas e caminhar para a a solução do problema.

O importante é saber que o exercício físico regular é indicado para o controle de todos os tipos de diabetes. Isso porque a atividade física promove uma série de adaptações no organismo que são benéficas aos diabéticos, como a diminuição da resistência à insulina, aumento da captação de glicose pelos músculos, melhora do perfil lipídico (diminuição do LDL e do triglicérides, aumento do HDL) e redução da pressão arterial.
Até a próxima! 

Publicado em 10/04/15 e revisdo em 02/04/18

Você não pode perder:

Kettlebell, Macebell e Clubbell - Treinamento Funcional em Alto Nível
Planos de aulas e atividades para Educação Física Escolar
Educação Física em casa

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.