Header Ads

Professor ensinando o Handebol na escola






Basicamente existem 3 princípios que devem nortear um processo que objetiva o desenvolvimento dos fundamentos técnicos do handebol. São eles: delimitar objetivos concretos, trabalhar com persistência temporal e realizar atividades que desafiem os jogadores a aplicar as ações técnicas/táticas do fundamento dentro do contexto do jogo. Quando falamos em objetivos concretos estamos nos referindo aos objetivos claros e possíveis de serem alcançados, estabelecidos de acordo com os princípios da progressividade e complexidade, devendo ser introduzidos de um modo que os jogadores construam soluções para atingi-los. Neste contexto, a persistência temporal entra como elemento fundamental, pois as repetições disponibilizam tempo suficiente para que o aluno compreenda o gesto técnico/tático que o exercício esteja propondo, assim como também identifique diferentes formas de aplica-los dentro das condições que a situação do ambiente oferece. Este ambiente deve ser construído de uma maneira que os fundamentos técnicos trabalhados sejam aplicados em situações semelhantes ao do jogo em si, e não somente através de exercícios repetidos mecanicamente e que acabam isolando o fundamento do contexto do jogo.

Guerra (2003) nos fala também que, aliados aos 3 princípios descritos anteriormente, existem 4 recomendações que devem ser levadas em consideração no momento de construção das atividades. São elas:

• Razão bola/aluno: delimitar quantas bolas serão necessárias em decorrência do número de alunos que realizarão a atividade proposta.

• Dinamismo e participação: trabalhando sempre em ataque versus defesa, estimular que no treinamento haja a participação com o mesmo comportamento do jogo esportivo em si, ou seja, com vontade, empenho e concentração.

• Normas: em função da maturação biológica/esportiva dos jogadores, construir normas adequadas e seguindo condutas normativas básicas do esporte praticado.

• Razão tempo/nº de jogadores: o trabalho deve ser realizado de uma maneira que todos os jogadores atuem o mesmo tempo durante o treinamento.

Acreditamos que, seguindo estes princípios e recomendações, o professor que trabalha com o handebol no treinamento de base será capaz de elaborar e executar atividades que proporcionem aos seus alunos o pleno aprendizado e desenvolvimento dos fundamentos técnicos deste esporte.

Fonte

Você não pode perder:

Treinamento Funcional 200 Exercícios - Aprenda Montar Seu Treino
100 planos de aulas + 100 atividades de Educação Física Escolar
Drive Virtual de Educação Física

Tecnologia do Blogger.