Header Ads

Entorse de tornozelo e corredores: mais comum que se imagina






http://www.triboo.pt/image-gallery/95140527828314-Entorse-do-tornozelo-na-corrida.png

Quem nunca torceu o pé praticando a corria que atire a primeira pedra. Lesão "corriqueira" para praticantes de corrida, é preciso tomar cuidado com as entroses principalmente se elas se repetem.  Há de se tomar cuidado com lesões de tendões (estiramento e rupturas) e cartilagem (estrutura que recobre a face articular dos ossos).

O tipo de lesão mais comum (em torno de 85%) é a inversão do pé, ocorrendo um deslocamento brusco entre os ossos que compõem a articulação. E há vários graus; A grau 1 ou leve, quando ocorre o estiramento ligamentar; grau 2 ou moderada, lesão ligamentar parcial e a grau 3 ou grave, lesão ligamentar total", detalha.

É importante lembrar que o tipo da pisada é importante, pois pode determinar seus riscos. Pessoas com pisadas hipersupinadas e retropé varo (aquele calcanhar torto, com sobrecargas na borda de fora) favorecem o entorse e inversão, que é o tipo mais comum de entorse.

Uma vez sofrida a lesão, é indicado o repouso por três dias para quem sofrer a lesão. Aplicação de gelo e uso de antiinflamatórios promovem a diminuição da dor e do edema. Se a suspeita for de fratura, radiografias devem ser feitas.

A primeira medida a ser tomada é elevar o pé e colocar gelo na região durante vinte minutos. Este procedimento diminuirá a dor e controlará o inchaço. Um médico deve ser consultado para o diagnóstico preciso da lesão e orientação do tratamento. Em alguns casos, há ruptura dos ligamentos laterais do tornozelo, mas, na maior parte das vezes, o tratamento não é cirúrgico.

O fortalecimento da musculatura do tornozelo é muito importante após o período de repouso necessário para a recuperação das lesões. Sem essa medida, o tornozelo fica instável, o que aumenta o risco de novas entorses e de tendinite nos músculos.

Exercícios para a melhora do equilíbrio também são importantes, pois a propriocepção - percepção do próprio corpo, incluindo a consciência do movimento dos membros e das mudanças no equilíbrio - do tornozelo fica comprometida após esse tipo de lesão. O retorno à prática de atividades físicas deve ser progressivo, mas, com os cuidados adequados, o tornozelo estará seguro e preparado para a volta aos treinos.



Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui

Você não pode perder:

Entre nos grupos de WHATSAPP
Planos de aulas e atividades para Educação Física Escolar
Treinamento Funcional 200 Exercícios - Aprenda Montar Seu Treino

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.