Header Ads

Estudo aponta que 20% dos praticantes de CrossFit sofrem lesões






Normalmente, o CrossFit é praticado indoor, mas, às vezes, pode ser feito do lado de fora também

A prática do CrossFit é uma verdadeira febre atualmente. O esporte intenso que mistura muitas modalidades, no entanto, pode causar lesões naqueles alunos mais indisciplinados que não se atentam às orientações do educador físico ou que resolvem praticar a modalidade sem a supervisão de um profissional. Um estudo americano, publicado na revista científica "The Orthopaedic Journal of Sports Medicine', aponta que cerca de 20% das pessoas que praticam o CrossFit acabam lesionadas.

O acompanhamento de um especialista em educação física é essencial para a prática do esporte. O profissional passa por treinamentos, cursos e seminários para se habilitar na prática, cobrados pela matriz, que é nos Estados Unidos.

As principais lesões acontecem no ombro, na coluna e nos joelhos.

A prática exige que se alavanque os pesos para cima, em movimentos chamados de lifting. Esse esforço no ombro acarreta um estresse nas articulações e um impacto maior do que a musculação. Se feito de maneira incorreta, pode causar uma lesão. E esse tipo de lesão gera dor: tendinites, lesões articulares e musculares, principalmente.

Na coluna, os movimentos de pegar peso e torção são os que mais geram problemas. Pode acontecer dores musculares na região da coluna, hérnias de disco e outros problemas. Em uma minoria, é necessário fazer cirurgia.

Claro que isso não é motivo para desaconselhar a prática do CrossFit, apenas recomenda que seja feita com acompanhamento de um profissional qualificado.

O  CrossFit, por ser uma atividade em grupo, motiva os participantes, mas ela pode causar mais lesões por causa da rapidez e da falta de atenção na postura.

Para tratar as lesões, é necessário repouso, interrupção do esforço ou movimento repetitivo e da carga excessiva. O tratamento varia de acordo com cada lesionado. Além disso, o médico pode indicar gelo, fisioterapia que usará tratamento com calor, analgésicos simples ou tópicos.

Recuperada a lesão, a pessoa pode voltar a praticar o esporte, mas sempre com atenção e cuidado.

Entenda a modalidade

Popular nos Estados Unidos e pipocando pelo Brasil afora, o CrossFit é uma modalidade que envolve várias práticas esportivas. O treino dura uma hora e, dependendo da intensidade, pode queimar até 1500 calorias. No nível intermediário, no entanto, a quantidade calórica despendida gira em torno de 800 calorias.

Não há dúvida que é um exercício que mexe com quase todos os músculos do corpo humano, então a quantidade de calorias exigidas para isso é muito alta", diz.

O CrossFit privilegia o condicionamento físico em geral. Trabalha a resistência muscular, hipertrofia, equilíbrio, coordenação motora, resistência aeróbica, anaeróbica, força e flexibilidade. Quanto mais experiente fica o praticante, maior a intensidade.

No entanto,  há alguns pré-requisitos dentro da modalidade. Enquanto o aluno não apresentar uma consistência técnica, não vou autorizá-lo a colocar peso em uma barra ou equipamento.


Você não pode perder:

Treinamento Funcional 200 Exercícios - Aprenda Montar Seu Treino
100 planos de aulas + 100 atividades de Educação Física Escolar
Drive Virtual de Educação Física

Tecnologia do Blogger.