Header Ads

O uso do Futebol na Educação Física Escolar







A utilização de esportes e principalmente do futebol dentro da Educação Física é de grande discussão dado as características que o agregam. Nisto estão incluídos os fatores de espaço, cultura, competição, gênero e métodos que podem ser lecionados.

O ensino do Futebol não deve ocorrer apenas no aspecto motor, valorizando-se o conhecimento da técnica-tática do esporte. Isso facilita a exclusão dos menos habilidosos, das meninas e, dessa maneira, o abandono de oportunidades de vivenciar diferentes experiências motoras, afetivas, cognitivas e sociais, não se permitindo participar da cultura corporal do movimento.

A riqueza contida no ensino do Futebol não se baseia apenas no desenvolvimento dos elementos técnicos-táticos e das habilidades motoras do indivíduo, como a coordenação motora, lateralidade, agilidade, velocidade de reação, etc., mas também no conhecimento dos códigos e significados que a sociedade lhe imprimiu, caracterizando-o como fenômeno social, em que se deve "questionar suas normas, suas condições de adaptação à realidade social e cultural da comunidade que o pratica, cria e recria, além do resgate de valores que privilegiam o coletivo sobre o individual, a solidariedade, o respeito humano, construindo continuadamente a criticidade e autonomia nos alunos.

Por fim, promover a oportunidade dos educandos compreenderem e tornarem-se capazes de criticar esses aspectos e recriá-los de acordo com suas expectativas e condições, aproximando mais o esporte do seu cotidiano.
É preciso ensinar futebol bem a todos porque todos podem jogar futebol de qualidade, alguns em menor, outros em maior tempo. Todo processo pedagógico exige paciência, mas se ensinarmos o mesmo, bem a todos, os alunos mostrarão habilidades para jogar futebol.
As atividades onde os alunos aprendam a conviver em grupo, construir regras, discutí-las e até discordar, podendo mudá-las, para que haja uma rica contribuição para seu desenvolvimento moral e social. Contribuir para o desenvolvimento da inteligência do aluno, não pensando apenas no craque, mas em sua condição humana; discutir sobre os acontecimentos da aula, colocando-o em situações desafiadoras, estimulando-o a criar suas próprias soluções para situações- problemas e falar sobre elas, levando-o a compreender suas ações.


Antes de acabar esse post, para o professor que quer trabalhar com atividades de Futebol na escola precisa conhecer o TOP 100 Futebol Escolar.
Esse guia traz 100 atividades de futebol, com vários fundamentos e brincadeiras além de bônus específicos. 

Use o futebol na escola!



Você não pode perder:

Entre nos grupos de WHATSAPP
Planos de aulas e atividades para Educação Física Escolar
Treinamento Funcional 200 Exercícios - Aprenda Montar Seu Treino

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.