Header Ads

Pontos básicos para implantar uma academia dentro de um condominio






Salas de ginástica em condomínios têm sido um espaço cada vez mais utilizado pelos moradores. Boa parte dos novos empreendimentos já oferece este benefício como diferencial. Se o seu condomínio ainda não tem, saiba que é totalmente possível implantar uma. Para isso, entretanto, são necessários alguns cuidados, principalmente, na compra dos equipamentos, na escolha do espaço onde funcionará o centro de fitness e com os cuidados em termos de segurança da utilização pelos moradores.

Considerando os grandes centros urbanos do país, levantamentos estatísticos demonstram que não mais que 10% possuem Centros de Fitness adequadamente equipados para uma prática segura e de resultados. Se pensarmos que esse espaço pode atrair moradores e valorizar o condomínio, já que se trata de um diferencial, vale a pena avaliar a implantação de um. Em relação ao número de moradores que utilizam estes espaços, calcula-se que 20%, em média, tornam-se usuários efetivos desse serviço em função da baixa adesão das pessoas à prática de exercícios físicos. Mas este quadro pode modificar-se, e muito dessa mudança no estilo de vida pode estar associada à praticidade de ter no próprio local de moradia um espaço para cuidar da saúde da família. Isso porque, um Centro de Fitness no condomínio, quando bem equipado, é um incentivo para quem quer praticar algum esporte, mas tem preguiça de ir até uma academia convencional, e um conforto para quem tem pouco tempo para treinar.

Um ponto absolutamente importante e que hoje se constitui em exigência legal, mas que nem sempre é lembrado, é a presença de um Profissional de Educação Física, que torna a prática esportiva mais segura, saudável e capaz de proporcionar um monitoramento da saúde dos praticantes. O custo desse profissional não é alto, pode e deve ser partilhado entre os moradores e pode ainda ser feito por intermédio da contratação de empresas especializadas, evitando assim contratação direta dos profissionais pelo Condomínio.

IMPLANTANDO O CENTRO DE FITNESS

Fazer um projeto é fundamental para que tudo que é desejado pelos moradores transforme-se em realidade. Existem profissionais e/ou empresas no mercado que desenvolvem todo o projeto, desde a adaptação do espaço físico aos equipamentos. A seguir apresentamos 7 ações essenciais para a implantação segura de um Centro de Fitness.

1. Escolha do local: Depende da disponibilidade do condomínio (com 16m² já é possível ter um Centro de Fitness), o ideal é que o espaço seja claro e arejado;

2. Elaboração do projeto: Nele devem constar o número de unidades, a estimativa % de uso, o layout do espaço com os equipamentos considerando seu uso e não apenas o espaço que ele ocupa, acessórios, decoração, espelhos, som e vídeo, piso adequado e bebedouro;

3. Pesquisa de Demanda: Além de saber se há interesse real por este tipo de serviço, é importante conhecer o perfil dos futuros usuários, ajudando assim na escolha dos equipamentos;

4. Compra dos Equipamentos: É importante optar sempre por equipamentos de linha profissional, usados em Academias. Os aparelhos da linha home-fitness (para uso doméstico) apesar de mais baratos, se deterioram rapidamente, pois são dimensionados para uso de poucas pessoas e por pouco tempo. Além disso, é importante considerar a necessidade dos acessórios, como halteres, caneleiras e colchonetes;

5. Escolha do Piso: O piso da sala deve ser preferencialmente emborrachado, pois assim além de evitar acidentes, como escorregões, oferece maior aderência aos equipamentos, como as esteiras, que costumam se movimentar durante a prática esportiva quando o piso é liso;

6. Layout adequado: Além do espaço entre os equipamentos, necessário á utilização segura e circulação das pessoas (a distância entre equipamentos varia entre 40 cm a 1 m, dependendo do aparelho), é importante observar a disposição desses equipamentos durante o seu efetivo uso. Posições de execução dos exercícios não devem criar situações constrangedoras e muito menos condição para acidentes;

7. Instalação do Centro de Fitness: Deve ser aprovada em assembléia, já que haverá investimento e alterações no patrimônio de todos. Para isso é importante que seja apresentado com o maior número possível de detalhes os custos de implantação e manutenção, evitando com isso que se instale um problema, e não uma solução coletiva.

AJUSTANDO O FUNCIONAMENTO: AS REGRAS DO JOGO

Estabelecer regras para o uso do espaço é extremamente importante. Com elas, é possível exercer o controle de quem freqüenta e da utilização em si mesma, evitando problemas tanto de mau uso quanto de uso inseguro. No caso do Condomínio não ter um Regulamento Interno que contemple regras para uso deste espaço, é necessário que os condôminos assinem um Termo de Responsabilidade para poder usufruir o Centro de Fitness. Recomendamos que seja consultado um advogado do segmento imobiliário ou a própria Administradora do Condomínio para que tal registro seja feito, resguardando assim o Condomínio de possíveis problemas relacionados ao uso do espaço e as condições de saúde dos usuários. É importante que nas regras de funcionamento do Centro de Fitness estejam presentes informações do tipo: dias e horários para utilização, responsabilidade do usuário de repor qualquer peça ou equipamento no caso de danos gerados pelo mau uso. Além disso, é fundamental que haja no Condomínio um Termo de Responsabilidade, a ser preenchido e assinado pelo condômino, onde ele declara estar praticando atividades físicas espontaneamente e que se responsabiliza por eventuais riscos e danos à sua saúde. No caso de haver um Profissional de Educação Física no local devem ser utilizados protocolos específicos para verificação das condições físicas e orgânicas de cada usuário, além da exigência de um atestado médico liberando o mesmo para a prática de exercícios físicos. Além disso, é importante que haja no local um controle do acesso dos moradores, como um livro de presença ou algum sistema informatizado, registrando cada usuário toda vez que este freqüentar a sala.

É importante também que a utilização do espaço seja restrita aos Condôminos, pois abrir o uso para visitantes além de perigoso pode criar problemas quanto à segurança do ambiente, de natureza estritamente familiar.

MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS

Para garantir mais durabilidade aos equipamentos e bem-estar aos usuários do Centro de Fitness, é fundamental que se estabeleça um plano de manutenção periódica, que inclui lubrificação e limpeza adequada dos aparelhos. Na aquisição dos mesmos, sempre que for possível, é interessante que se adquira os planos de garantia estendida, aumentando a vida útil deles e reduzindo os gastos com conserto, normalmente caros. É importante ainda que na aquisição dos equipamentos escolha-se fabricantes que dão garantia quanto ao uso e à manutenção do dia-a-dia dos equipamentos.

IMPORTÂNCIA DA PRESENÇA DO PROFISSIONAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA

Embora infelizmente ainda não é prática comum, ter um profissional habilitado e devidamente registrado para acompanhar a prática dos usuários do Centro de Fitness deveria ser uma prática freqüente. Estima-se que somente 1% dos condomínios com Centro de Fitness tenham um profissional contratado. A falta dele para orientar os usuários pode gerar problemas para o condomínio, chegando até a uma reclamação judicial. Exercícios mal executados, cargas mal dimensionadas ou séries com falhas na sua estruturação, podem causar lesões ou mesmo acidentes com conseqüências graves. O Conselho Regional de Educação Física (CREF) exige, por força de lei, a presença de um profissional devidamente registrado em Centros de Fitness com o propósito de orientar os praticantes, elaborar os programas de treinamento, corrigir a execução dos exercícios, além de avaliar a evolução dos resultados pretendidos como forma de redimensionar os treinamentos, sempre respeitando a individualidade biológica de seus clientes.

A contratação desse profissional deve ocorrer de acordo com a demanda do condomínio. Uma idéia que tem dado certo é a contratação de uma empresa (pessoa jurídica) especializada neste ramo, o que evita vínculo trabalhista direto entre o profissional e o condomínio. Os dias e horários de funcionamento do Centro de Fitness deverão ser função das preferências de horários para a realização das atividades físicas, ajudando assim na definição do horário de trabalho do profissional e otimizando os custos da contratação. Finalmente, além das aulas tradicionais, o profissional pode implementar a prática de outras atividades, aproveitando as áreas livres do condomínio como: escolinha de esportes, torneios internos e ginástica ao ar livre, dentre outras. Na piscina, quando existente e adequada pode oferecer aulas de natação e hidroginástica para diferentes faixas etárias. Além disso, o professor pode contribuir com campanhas de incentivo à prática do exercício físico, estimulando os moradores a utilizarem o Centro de Fitness e as demais dependências do condomínio como uma forma de melhoria da qualidade de vida e do aumento da interação social, por intermédio de eventos temáticos realizados no âmbito do próprio condomínio.

Fonte

Você não pode perder:

Treinamento Funcional 200 Exercícios - Aprenda Montar Seu Treino
100 planos de aulas + 100 atividades de Educação Física Escolar
Drive Virtual de Educação Física

Tecnologia do Blogger.