Header Ads

Use o jogo de taco em suas aulas






https://c1.staticflickr.com/1/21/34026724_610679fcb2.jpg

Vi essa aula e não pude deixar de compartilhar. O taco é uma brincadeira foi uma brincadeira que fez parte da minha infância e é uma introdução para o beisebol, um esporte que não é muito praticado no Brasil, mas envolve bons recursos para as aulas de Educação Física.

É uma boa aula para aplicar aos alunos e trazem um monte de resposta bacana.

Objetivos

  • Adaptar materiais e espaços para a prática de taco e beisebol.
  • Democratizar o aprendizado de modalidades esportivas raramente praticadas na escola.
  • Apresentar e reelaborar regras.

Conteúdos

  • Jogo de taco.
  • Beisebol.

Anos

6º e 7º.

Tempo estimado

Dois meses e meio.

Material necessário

Cinco pares de tacos, que podem ser roliços (cabos de vassoura) ou achatados (ripas), com cerca de 1 metro de comprimento, cinco bolas de borracha (como as de frescobol) ou de tênis (encapadas com tecidoamarelo), cones, latas de refrigerante, garrafas PET e varetas de madeira (para montar as casinhas do taco) e giz (para delimitar espaços na quadra e desenhar as bases do campo de beisebol).

Desenvolvimento

1ª Etapa 

Apresente o objetivo do projeto.Pergunte se os alunos já praticaram taco e beisebol e se ouviram falar deles. Explique sobre regras, espaço, materiais e habilidades que eles desenvolvem como arremesso, rebatida e corrida.

Proponha o jogo de taco e use seis aulas com ele. Forme grupos de quatro e separe-os em duplas (um menino e umamenina). Meça a quadra e divida-a para que quatro ou mais grupos joguem ao mesmo tempo. Fale da importância de dosar a força da rebatida para evitar acidentes.

Faça com que os mais e os menos experientes joguem juntos e peça que pensem em maneiras de diversificar as duplas e os quartetos. Durante a atividade, direcione questões a grupos específicos perguntando, por exemplo, como é melhor usar o taco quando a bola vem rasteira ou mais alta. Dessa forma, eles melhoram a capacidade de tomar decisões.

Converse sobre o que foi bom e o que foi ruim na prática e faça com que pensem em regras mais complexas, respeitando o nível de desempenho dos colegas. O foco do projeto não é desenvolver nosestudantes técnicas refinadas, mas prepará-los para dar respostas eficientes aos problemas surgidos.

2ª Etapa 

Relembre as características e as regrasdo beisebol e aponte as semelhançascom o taco como a rebatida, quedeve lançar a bola para longe a fimde conquistar mais pontos. Peça ajudapara adaptar o jogo à quadra da escola.

Nas primeiras partidas, use a formade um quadrado em que cada quinacompõe uma base, com uma garrafa PET como ponto de referência. Nas aulas finais, a quadra ganha oscontornos de um losango e as basespassam a ser círculos desenhados comgiz.

Ao lado de cada um deles fica umjogador. Use primeiro uma ripa demadeira como taco e depois passe parao cabo de vassoura. Sugira mudançasna regra de rebatida (na oficial, quem erra três rebatidas é eliminado).

Por exemplo: ao ser lançada, a bola pode quicar para facilitar a rebatida e o arremessador tem quantas chances forem necessárias até que o rebatedor acerte e possa revezar a função com os colegas. Estabeleça com todos o valor dos pontos das bases conquistadas e da volta completa no campo.

Divida a turma em duas equipes, com equilíbrio entre meninos e meninas, e dê autonomia para que decidam suas funções (capitão, rebatedor e receptor, jogadores de base e jardineiros, que ficam espalhados no campo).

Proponha o revezamento das funções entre os jovens e também entre os times, de ataque e de defesa. Reserve oito aulas para a prática e proceda como nas aulas sobre o taco, intervindo quando necessário e propondo novas regras. Se for possível, leve a garotada para visitar campos, assistir a partidas e conhecer uma associação de beisebol para que um dos responsáveis pela entidade explique como é a rotina desses profissionais.

Produto final

Campeonato

Reserve uma aula para a organização de um campeonato. Divida a turma em comissões de premiação, montagem de tabelas, arbitragem e divulgação do evento na escola e na comunidade. Os jogos devem ser realizados em outras três aulas.

Avaliação

Organize disputas para observar o conhecimento que os alunos têm das regras das modalidades propostas. Discuta com eles os conhecimentos práticos e teóricos adquiridos nas aulas e dê um questionário sobre os jogos para que respondam em duplas. Peça que cada um avalie, por escrito, o projeto e sua própria participação.




Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui

Você não pode perder:

Entre nos grupos de WHATSAPP
Planos de aulas e atividades para Educação Física Escolar
Treinamento Funcional 200 Exercícios - Aprenda Montar Seu Treino

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.