Header Ads

Musculação sem contraindicação para crianças e adolescentes






 A ideia de que praticar musculação na infância prejudicaria o desenvolvimento da criança foi derrubada no fim de 2010: numa das maiores revisões sobre o tema, especialistas do Institute of Training Science and Sports Informatics, em Colônia, na Alemanha, analisaram dezenas de estudos feitos nas últimas décadas sobre treino de força para meninos e meninas entre 6 e 18 anos. Conclusão: a musculação traz benefícios quando bem orientada.

Siga nosso twitter

Segundo a pesquisa alemã, publicada na revista "Pediatrics", jovens de qualquer idade que fizeram treino de resistência pelo menos duas vezes por semana, durante um mês ou mais, tiveram maior ganho de força que aqueles que se exercitavam apenas uma vez por semana ou por períodos mais curtos. O resultado contrariou a afirmação de que crianças e adolescentes deveriam evitar a musculação. A justificativa até então era que a falta de testosterona, o hormônio que estimula o aumento de massa muscular em adultos, poderia resultar em baixa estatura e danos físicos.

A Academia Americana de Pediatria, o Colégio Americano de Medicina Esportiva e a Sociedade Canadense de Medicina Esportiva defendem que tanto crianças quanto adolescentes se beneficiam da prática de musculação para evitar ganho de peso e fortalecer os músculos desde cedo.

No Brasil, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 83% dos jovens em idade escolar assistem a mais de duas horas de TV por dia e 70% deles têm uma ou menos aulas de educação física por semana. E 32% dos jovens em idade escolar entre 11 anos e 19 anos estão com sobrepeso ou são obesos.



Você não pode perder:

Treinamento Funcional 200 Exercícios - Aprenda Montar Seu Treino
100 planos de aulas + 100 atividades de Educação Física Escolar
Drive Virtual de Educação Física

Tecnologia do Blogger.